MPC? Isso só pode ser piada…

 

 

No ano em que a Bossa Nova completa seu qüinquagésimo aniversário, o Jornal Extra, do Rio de Janeiro, vem publicando uma série de reportagens batizadas de MPC – Música que o Povo Canta, alavancadas pelo seguinte lema: “Chega de Saudade da Bossa Nova!”.

 

Apenas para que se tenha uma idéia, os principais “expoentes” da MPC, segundo o Jornal Extra, são Nelson Ned, Waldick Soriano, Agnaldo Timóteo, Odair José, Reginaldo Rossi, Benito di Paula, entre outros. Eles se dizem cantores românticos; a crítica os rotulou de “bregas”. Afinal de contas, o que são esses cantores?

 

Em recente entrevista para o mesmo tablóide carioca, o cantor Agnaldo Timóteo, elevado à condição de ícone da MPC, foi categórico: “João Gilberto não canta. (…) O que foi que ele fez pela música brasileira nos últimos 50 anos?”.

 

É bem verdade que João Gilberto nunca primou pelo vozeirão, assim como Tom Jobim, Vinícius de Moraes e Carlinhos Lyra, só para citar alguns dos bossanovistas mais aclamados. Mas é inegável e indiscutível a contribuição de todos eles e, sobretudo, do violão de João Gilberto para a história da música popular brasileira.

 

João Gilberto não precisa fazer mais nada pela música brasileira, já fez. Não precisar ser simpático com jornalistas, não precisa compor novas canções, não precisa dar entrevista em programa de auditório. João Gilberto, assim como Tom e Vinícius, constitui um dos pilares da Bossa Nova. E o que eles fizeram pela música brasileira jamais será esquecido.

 

Num país de memória curta, em que palácios são destruídos por insólitas decisões políticas e ídolos são achincalhados pela opinião pública, reportagens como essa soam como verdadeira apologia à miséria intelectual brasileira, que os veículos de comunicação de massa teimam em perpetuar.

 

Eterna saudade da Bossa Nova.

Anúncios

13 Respostas to “MPC? Isso só pode ser piada…”

  1. Muitas vezes as pessoas se gabam de sua própria ignorância. O Lula é um grande exemplo. Os jornalistas, ao invés de tentarem mudar isso, adoram mostrar que tudo que é a voz do povo é voz de Deus…

  2. Você me deu um susto agora… Por um minuto achei que esse tal de Agnaldo Timóteo fosse aquele brilhante político da Assembléia Paulista que apareceu na tribuna do Plenário com um telefone sem fio, iniciando seu discurso com: “Alô, Mamãe”.

  3. Ele é da assembléia paulista?
    E está tentando eleger o filho pelo Rio com o slogan “Meu filho, meu orgulho”?

    Aliás, “Desafinado” cantado pelo João Gilberto é tudo!

  4. Reparou como o Chico Buarque também não canta?
    E diga, ele precisa fazer mais do que o que já fez até agora?

    Cris gravou varias músicas dele, cantadas por ele. A maioria eu ouvi pensando “cara, essa música fica perfeita mesmo na voz de fulana”, mas por várias outras vezes eu me surpreendi ao ver que uma música que eu conhecia e gostava também era dele. “Mas essa também? Meu Deus! Esse homem é impossível!”

    Vai dizer que ele também não representou nada para toda a literatura universal? Até hoje eu acho que a melhor definição de saudade é “arrumar o quarto do filho que já morreu”. E eu daria muita coisa para ter pensado na metade dos versos que ele pensou…
    Ele, Vinícius e tantos outros (porque eu sei que estou longe de ter o talento do João Gilberto ao violão – tô menos longe das letras…).

  5. é essa gente, que lê nos tablóides os donos de ambíguas verdades apontarem para o que é ou não boa música, que movimenta a economia. ignorância é um lucrativo nicho de mercado.

    dito isso, entendo que muito da bossa nova (que começou como uma outra forma de fazer samba, mas virou música-de-quem-não-quer-ser-do-povo canta) um saco. falei.

  6. Faço minhas as palavras do comentário acima.
    Nenhum deles precisa dar sorrisinho falso pra jornalista da Globo, nem comparecer a programas cujas únicas perguntas são: “você ‘tá solteiro?”
    “Oooolha gente, ele namooora. Quem é a sortuda?”
    Esses eu deixo pro Agnaldo Timóteo e afins.

  7. A Bossa Nova foi um movimento 100% brasileiro cuja arte é realizada no improviso. Nada mais genial. Só que os engraçadinhos que nada sabem resolveram, junto com a nossa amada Rede Globo, estrangular o movimento, que teve de fugir para o exterior pra continuar vivo. A Bossa Nova foi exilada, e a mídia faz questão de deixá-la sufocada.

    Chacrinha, soldado da Rede Globo, também não contribuiu pra ajudar a Bossa Nova. Uma pena, pois ela se encaixa perfeitamente em sua máxima “Quem sabe faz ao vivo”.

  8. Um adendo: quem se mostra gordo e de cueca na Casa dos Artistas (Agnaldo Timóteo) acaso tem alguma credibilidade como crítico musical? Aquela cena foi um pesadelo!

  9. Os bons não criticam os outros… Não carecem comparação e se eternizam pela qualidade do que fazem e não pelas besteiras que dizem. O legado de música e literatura deixado pela Bossa Nova são um bem cultural para o nosso país e não há cantor brega que mude isso.

  10. Fábio S. Ribeiro Says:

    O jornal Extra é aquele que O GLOBO lançou para concorrer com o O DIA pelos leitores das classes C e D.

    Mas não podemos nos inflar dos mesmos preconceitos que a INFOGLOBO (empresa da familia Marinho que edita os dois jornais) possui. Agnaldo Timóteo é polêmico e incoerente (pessoalmente, detesto a música dele), mas ele e toda a turma de “bregas” têm seu valor. É elitismo falar que “só presta Chico, Jobim, etc.” São praias diferentes.

  11. Mas o que você esperava desse jornal? Cultura?

  12. […] alguns dias o David publicou um post falando sobre a MPC – música que o povo canta.  Eu gostaria, então, de pedir licença ao meu amigo para aproveitar o gancho e dizer que o […]

  13. […] shows eram Waldick Soriano, Odair José, Antonio Marcos…”. Pelo visto, os ídolos da MPC (música que o povo canta, segundo batismo do Jornal Extra) estão mesmo em alta, mas isso não é […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: